Atual

Loading...

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Asfalto da RN 288 entre Acarí e Caicó com muitos buracos em conseqüência das chuvas

Fonte: blog do Eduardo Dantas
Aprendemos ao longo da profissionalização do Turismo que a acessibilidade é requisito fundamental para a consolidação de um destino turístico. Em plena região do Seridó, potencialmente rica em suas belezas naturais, culturais e seu povo é o maior diferencial.
Entretanto, quanto à infra-estrutura básica estamos muito além do desejado. Vejam a situação de emergência que se encontra a RN 288 que dá acesso Acari até Caicó.
Esse trecho fica exatamente na localidade da zona rural do município de Acari, conhecida como Almoços. Lá, o condutor (motorista) não tem mais como desviar da buraqueira, porém, não existe mais pavimentação asfáltica.
Pedimos que as autoridades competentes tomem as devidas providências, o DER possa efetivar políticas públicas que priorizem a manutenção das estradas em nosso Estado.
Os turistas só poderão chegar ao interior se os meios de acessos estiveram em condições de uso. Ontem, em viagem a Caicó para participar do lançamento da VIII FEIRA DE NEGOCIOS DO SERIDÓ, quase perdir o evento. O horário da viagem ultrapassou 01hora, em virtude dos constantes buracos encontrados na referida estrada. As adversidades de chuva, vegetação tomando conta da estrada, falta de acostamento, sinalização precária etc, contribuem decisivamente para os riscos no volante.
Peço que divulguem para que as autoridades tomem conhecimento e assim possam tomar as providências necessárias.
SÉRGIO ENILTON - Cidadão do Seridó

Trecho da BR 226 entre Florânia e Jucurutú oferece riscos aos usuários



Alertamos os motoristas que diariamente usam a BR-226 no trecho que liga Florânia a Jucurutu que o pontilhão está danificado, onde parte da estrutura caiu; aproximadamente 8 km depois de Florânia no sentido Jucurutu.
Após o funcionário da CAERN Francisco de Sales Bezerra nos alertar, nossa equipe se deslocou até o local indicado e encontramos uma situação de extrema emergência, pois parte da estrutura já cedeu, oferecendo grande risco para quem trafega pela BR.
Fonte: Edson Dantas

sábado, 21 de maio de 2011